Energia Água - Rins (2 artigos)

Nestes meus dois últimos artigos sobre as 5 transformações escrevo sobre o estágio energético Água, representada organicamente pelos Rins e Bexiga, órgãos reprodutores, glândulas supra-renais, ouvidos, dentes.
Água representa o início do movimento (o estágio que precede Metal onde os fenómenos tendem a solidificar e a virar-se para o interior) e está associada ao Inverno, noite, frio e a líquidos entre outras associações. Os Rins representam o 1º Ministro e, segundo os chineses, são a fonte do nosso poder e vitalidade. Representam também as nossas reservas constitucionais, aquilo a que chamaram Energia Ancestral.
Manter os rins saudáveis é de primordial importância para a manutenção da vitalidade física e sexual (em medicina oriental os rins estão intimamente ligados aos órgãos reprodutores), assim como para o desenvolvimento de coragem e de espírito de aventura.
Os rins são órgãos altamente complexos e extremamente sensíveis a qualquer mudança na estrutura química do sangue e por consequência aquilo que comemos altera significativamente a sua condição e integridade.
Os alimentos que mais afectam os rins, bexiga e órgãos reprodutores são em particular alimentos e bebidas frias, como refrigerantes, gelados e sorvetes, em particular combinações de frio com um elevado teor de açúcar. Os rins são também particularmente vulneráveis a alimentos de origem tropical (classificados de mais yin na terminologia macrobiótica) como tomates, batatas, beringelas, espinafres, frutos tropicais em geral, café, alimentos esses que facilmente produzem infecções urinárias e que contribuem para um decréscimo da vitalidade sexual.
Excesso de proteína, particularmente proteína de origem animal, também afecta a capacidade de os rins filtrarem o sangue. Excesso de sal pode também criar problemas nestes órgãos, mas um regime alimentar com pouco sal é passível de igualmente criar debilidade na Energia Água. Na realidade, um bom equilíbrio de sódio é crucial para um bom desempenho renal e é fundamental que para tratar os Rins se utilize sal de boa qualidade (sal marinho integral) ao invés de sal refinado que consiste de 99,9% de NaCl (cloreto de sódio); o sal marinho integral tem muito mais minerais que são fundamentais para um bom funcionamento renal.
Especificamente, para além das recomendações descritas acima deve tomar em consideração os seguintes aspectos:
Cereais - O melhor cereal para fortalecer os rins e órgãos sexuais é o trigo sarraceno; o trigo sarraceno é um cereal pouco conhecido e com um sabor peculiar, pelo que a forma mais fácil de o utilizar é em Massa de Trigo Sarraceno ou Soba. A Soba é um excelente alimento para aumentar a vitalidade e ajuda também, nalguns casos, a reduzir a hipertensão.
Sopa de Trigo Sarraceno (em grão) com vegetais é também uma boa alternativa.
Leguminosas - As leguminosas são consideradas os alimentos por excelência para os rins, particularmente um tipo de feijão pequeno e vermelho denominado feijão Azuki. Se tem problemas renais, utilize feijão Azuki regularmente assim como outros feijões como grão de bico, lentilhas, feijão frade, catarino, manteiga, entre muitos outros.
Vegetais - Os vegetais mais indicados são os vegetais de raiz como cenoura, bardana (um vegetal pouco conhecido em Portugal mas que existe sob a sua forma selvagem em todo o país), rábano, nabo. As cenouras são particularmente boas para fortalecer os rins e órgãos sexuais.
Algas - De todas as algas, as algas Kombu são as que especificamente fortalecem o estágio energético Água, mas todas as algas representam esta mesma energia, uma vez que é no meio aquático que vivem e se desenvolvem.
Produtos animais - Os alimentos de origem animal que mais nutrem a qualidade de Água são peixes mais primitivos como marisco ou molusco mas deve ter em atenção que alguns problemas renais exigem um consumo mínimo de proteína animal (e nalguns casos proteína vegetal).
Bebidas - Dar preferência a chás não aromáticos e evitar café e chá preto. Chá Três Anos é particularmente indicado no caso de problemas de bexiga.
Temperos - Como referido acima a quantidade e qualidade de sal ingeridos são determinantes em problemas deste tipo. Nalguns problemas renais deve reduzir-se a ingestão de sal. Em problemas como infecções de bexiga é em geral melhor utilizar um pouco mais de sal e condimentos salgados.
Métodos culinários - Para fortalecer Água dá-se preferência a métodos culinários em que se utiliza mais fogo e mais tempo, particularmente salteados longos, tempura (fritos com polme) e assados.
Actividade física - Uma vez que os problemas de rins e bexiga estão ligados a estados emocionais mais fóbicos e ansiosos, actividade física desafiante é uma boa terapia - artes marciais, desportos radicais são boas alternativas para distúrbios deste tipo.
No próximo artigo, escreverei sobre a influência dos órgãos Água nas emoções e comportamento.
RINS - 2ª PARTE
Este é o meu último artigo nesta série a teoria chinesa das 5 transformações e escreverei sobre as qualidades emocionais e comportamentais da Energia Água associada aos Rins, Bexiga, Órgãos Reprodutores e também Glândulas Supra Renais.
Para os Chineses, os Rins são o órgão que acumula as nossas reservas constitucionais; dizem que os Rins são como um "punho" que temos nas costas e que empurra na vida; os órgãos Água representam a nossa "bateria", "pilha", e são os responsáveis pela nossa vitalidade e longevidade.
Os aspectos positivos de Água são espírito de aventura, coragem, curiosidade e indivíduos com uns rins fortes apresentam fortes sinais de bravura (física, intelectual e emocional), com uma enorme vontade de explorar o mundo à sua volta em conjunto com uma grande flexibilidade e poder de adaptação.
O movimento físico é fortemente enraizado, transmitindo uma sensação de poder físico e a voz é profunda e poderosa.
A energia da água é uma energia mais primordial, pelo que pessoas com um bom manancial desta energia podem de alguma forma actuar como os "bons selvagens", pessoas dotadas de uma enorme vitalidade física, mas com um carácter genuíno e espontâneo, quase ingénuo ou inocente nalguns casos.
Os primeiros sinais de distúrbio na rede energética Água são timidez, indecisão e tendência para a protecção, que podem escalar para problemas com repercussões pessoais e sociais mais sérias como fobias, medos, ou paranóia.
Quando os rins - e órgãos associados, particularmente as supra-renais - começam a ficar mais fracos, temos tendência a recear o ambiente que nos rodeia e a tornarmo-nos mais protectivos no movimento. A pessoa sente que é vulnerável e que se expõe demasiado conduzindo a sentimentos de ansiedade e falta de auto-confiança.
O movimento físico de indivíduos com desarmonia nesta fase energética é mais rápido, furtivo e aparenta um nervosismo injustificado. Existe a tendência para adquirir posições de controle, geralmente apoiando as costas em paredes ou escolhendo posições estratégicas nos cantos das salas, de forma a controlar adequadamente o ambiente à sua volta. O objectivo destes gestos é não ser apanhado despercebido e poder reagir às ameaças imaginárias que a pessoa sente.
As mãos têm tendência para proteger a zona genital, resguardando assim a sexualidade e enviando a mensagem subliminar de que se é tímido e de que um contacto demasiado próximo não é suficientemente confortável. Esta postura tende a tornar-se mais evidente quando em presença do sexo oposto, numa situação que não se controla completamente e onde a pessoa não se sente totalmente à vontade.
Em conjunto com os movimentos acima descritos, os olhos tendem a mover-se muito rapidamente, dando a sensação de que o indivíduo não está confortável e que procura defender-se.
Com problemas renais, existem frequentemente dores na zona inferior das costas e/ou inchaço nos pés e tornozelos. As articulações dos pulsos e tornozelos tornam-se mais frouxas, fazendo que quando a pessoa caminha ou se move transmita uma imagem de debilidade ou de falta de direcção. Como se houvesse demasiado líquido no organismo que cria uma excessiva fluidez na linguagem corporal.
A voz é mais aguada e o discurso tende a "espalhar-se" e mesmo a tornar-se incoerente e vago.
Uma vez que os problemas em Água são representados por uma fluidez excessiva, existe também a tendência para não conseguir seguir uma direcção determinada e para mudar frequentemente de rumo na vida.
Os indivíduos com desequilíbrios nesta área manifestam sintomas de insegurança e timidez, é comum quererem agradar a "gregos e troianos", acabando por arranjar problemas com todos e sentirem que nunca ninguém os apoia.
Fisiologicamente, os traços comportamentais descritos estão provavelmente relacionados com as funções das glândulas supra-renais, essenciais por uma boa reacção aos estímulos exteriores e pela nossa capacidade de resposta ao perigo. Quando as supra-renais (em medicina oriental estas glândulas estão directamente ligadas aos rins e à bexiga) começam ficar demasiado activas ou inactivas as nossas reacções aos estímulos exteriores tornam-se desproporcionadas e inapropriadas, criando mecanismos de "ataque" ou de "defesa" exagerados.
Os rins, como filtro importante que são, determinam em grande parte a qualidade de sangue que nutre o sistema nervoso e o delicado equilíbrio químico que este necessita para funcionar adequadamente, pelo que desempenham também um importante papel no grau de consciência e resposta que temos para com o mundo exterior.
Espero que esta série de artigos possam ter contribuído para uma visão mais unificada do nosso ser e que o (a) tenham ajudado a melhor identificar as áreas da sua saúde que requerem mais atenção.